Nuvens com abertas

Quarta | 23 Maio

22C

30

21

A não perder < voltar

Liane van Dyk vence Odisseia Ranger 2015 da Ford

13/08/2015 | Fonte: www.sapo.ao

A Sul-Africana Liane van Dyk, residente em Pretória, foi a grande vencedora da Odisseia Ranger 2015 da Ford, depois de 12 dias intensos de aventura e competição, através das regiões de Damaraland e Kaokoland, ao longo de 2.000 km, no remoto e acidentado norte da Namíbia. A classificação final foi anunciada no dia 11 de Agosto, durante o jantar de Gala “Go Further” da Ford, em Sandton, Joanesburgo.

A programadora de computadores de 23 anos venceu os outros 19 concorrentes, entre os quais se encontravam 13 sul-africanos, dois nigerianos, dois da Costa do Marfim, um de Angola e um de Moçambique.

"Na Odisseia Ranger 2015 tivemos um grupo fantástico de concorrentes, muito competitivos e dinâmicos, foi magnífico ter cinco países africanos representados este ano", disse Tracey Delate, Directora de Marketing da Ford Motor Company para a África Subsaariana.

"A Liane esteve entre os candidatos favoritos durante toda a prova e mostrou consistentemente altas pontuações em todos os aspectos, desde a condução aos testes de conhecimentos geral. A sua energia e entusiasmo também brilharam, fazendo dela um dos favoritos, por isso estamos muito satisfeitos em vê-la ganhar o título de 2015", acrescentou Tracey Delate.

Como vencedora da Ranger Odisseia 2015, Liana vai conduzir uma Ford Ranger durante um ano e ter o equivalente a 50.000 kwanzas de combustível por mês, para continuar a explorar a rica cultura e beleza do continente Africano, ao volante de um veículo que provou ter a capacidade para circular em alguns dos terrenos mais árduos de África.

Liana, que se descreve como uma viciada em aventura e que adora actividades ao ar livre e off-road, começou a sua aventura da Odisseia Ranger no Boot Camp na pequena cidade de Karoo em Junho, onde surgiu como um dos Top 20 concorrentes seleccionados, de um grupo inicial de 40 escolhidos entre os milhares de candidaturas on-line recebidas para o evento deste ano.

Os 20 finalistas foram de Joanesburgo para Windhoek a 23 de Julho e começaram a sua incrível viagem através de alguns dos terrenos mais desafiadores e deslumbrantes da Namíbia. Passaram por Spitzkoppe, Palmwag, pelo Vale da Desolação até à paragem final em Brandberg, no sopé da montanha mais alta da Namíbia onde foram confrontados por trilhos 4x4 surpreendentes.

Longe de ser um mero passeio, os concorrentes da Odisseia Ranger foram avaliados diariamente pelas suas habilidades off-road, capacidade e trabalho em equipa e habilidades de comunicação, capacidade de liderança e de adaptação.

Houve também uma série de tarefas especiais e avaliações sobre conhecimentos gerais relacionados com a Namíbia e sobre continente Africano, como navegação através das estrelas, navegação GPS, bem como técnicas de manutenção e recuperação de veículos.

Este ano houve duas fases de eliminação, nas quais os dois concorrentes com menor pontuação deixaram o grupo no quarto dia de prova, e outros três partiram no oitavo dia.

Comentários