Céu limpo

Domingo | 22 Julho

25C

26

19

A não perder < voltar

Medalha de Prata para Adega Mayor no Concurso Mundial de Bruxelas

08/06/2015 | Fonte: SAPO

O Reserva do Comendador Branco 2013 e o Monte Mayor Reserva Tinto 2012 foram os vinhos premiados com a Medalha de Prata na 22ª edição do Concours Mondial de Bruxelles, que teve lugar em Jesolo, e avaliados por um júri internacional que degustou e avaliou mais de oito mil vinhos.

Esta distinção vem reforçar, uma vez mais, a aposta da Adega Mayor na produção de vinhos de qualidade singulares.

Dois vinhos da Adega Mayor, distribuídos em Angola pela Angonabeiro, acabam de ser premiados com duas Medalhas de Prata numa das mais prestigiadas competições internacionais: o Concours MonDois vinhos. Numa das mais prestigiadas competições internacionais: o Concours Mondial de Bruxelles, que distingue os melhores vinhos a nível mundial.

O Reserva do Comendador Branco 2013 foi desenhado a partir das castas Antão Vaz, Roupeiro, Arinto No aroma revela fruta tropical madura, citrinos, com notas de especiarias no final. Na boca tem uma boa frescura, é macio e untuoso e muito equilibrado. O final longo deixa umas notas agradáveis de casca de tangerina.

Já o Monte Mayor Reserva Tinto 2012 desenhado a partir das castas Aragonez, Touriga Nacional e Alicante Bouschet apresenta uma cor ruby concentrada, é profundo e complexo no nariz. Sugere juventude, apontamentos de frutos vermelhos e bagas silvestres balanceadas com notas de tosta, especiarias e nuances balsâmicas. Na boca é envolvente e equilibrado, os taninos finos e a acidez atractiva, remetendo-nos para um final longo e persistente.

José Beato, Director Geral da Angonabeiro, regozija-se com esta distinção e sublinha que a aposta da empresa é a “de disponibilizar ao mercado angolano produtos de qualidade aceite e reconhecida, seja na área do café, dos chás, dos vinhos ou outra em que venha a actuar”.

A Adega Mayor tornou-se desde logo uma referência no enoturismo português ao ser a primeira adega de autor construída em Portugal.

 

Comentários